O feminino na modernidade

Maricia CiscatoPor Maricia Ciscato

Maricia CiscatoNesse artigo, Maricia Ciscato se detém em Baudelaire e sua aproximação entre o feminino e a modernidade.
Maricia Ciscato

Com uma breve retomada da descrição de Baudelaire sobre o Belo, que contempla o eterno e o transitório, Maricia nos leva ao seguinte ponto: essa dualidade, aludida no texto também por meio da posição feminina, dá contorno ao impossível na experiência do Belo. Essa espécie de terceiro elemento não sobrevive à tentativa de separação entre o eterno e o transitório. Tal tentativa levaria à extinção do que cria e é criado na junção que resulta no Belo, justamente o impossível.

Maricia Ciscato

Entre a modernidade como berço da psicanálise e a mulher como uma espécie de ponto cego do texto freudiano, a partir das considerações de Baudelaire, chegamos a esse inapreensível que Maricia explora como uma espécie de segredo feminino não todo falado. É que ele não se faz de conteúdo. Como diz Marisa Monte em Infinito particular, “é só mistério, não tem segredo”.

Maricia Ciscato

A idéia de que é o grito que faz surgir o silêncio, de que é o contorno do jarro que faz surgir o vazio, sustenta também o lugar que o feminino possui. A mulher, ao mesmo tempo em que vela, através de seus olhares e ornamentos, o inacessível, também o faz existir. Segundo Serge André: “A mulher só pode ser atingida ou designada pelo viés de um semblante”. Diante da falta de uma essência significável, ela só pode se afirmar através de artifícios. Ao mesmo tempo em que são os artifícios femininos que fazem surgir o enigma do inacessível, do inapreensível.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: